Perda de cabelo acontece. É certamente normal perder fios de cabelo todos os dias, às vezes centenas. Esses fios crescem novamente como parte do ciclo normal de crescimento e perda. Normalmente, isso não é motivo de preocupação, até que seja. Se você já foi vítima de tufos de cabelo saindo ao longo do dia, você sabe como isso é uma experiência assustadora, principalmente para homens que tem medo da calvície.

Se você é um desses, recomendamos, primeiramente, conversar com um dermatologista antes de qualquer tratamento natural. Se você já conversou, pode ser que o poder do óleo de coco possa te ajudar a melhorar sua condição de perda de cabelo.

O que pode causar perda de cabelo permanente?

Compreender as causas de perda permanente de cabelos pode ajudar a encontrar os melhores tratamentos para a perda de cabelo.

Problemas hormonais

Uma glândula tireoide hiperativa ou hipoativa pode resultar em queda de cabelo e normalmente pode ser revertida pela normalização dos níveis dos hormônios tireoidianos. Desequilíbrios hormonais femininos ou masculinos também podem causar perda de cabelo. As mulheres podem experimentar perda de cabelo após uma queda repentina nos níveis de estrogênio após a descontinuação da pílula anticoncepcional, após o parto e após a entrada na menopausa. Baixos níveis de progesterona também foram implicados. Calvície de padrão masculino (MPB), também conhecida como alopecia androgenética, é pensada para se desenvolver quando o hormônio masculino, a testosterona, é convertido em outro hormônio chamado diidrotestosterona (DHT). Um excesso de DHT pode causar o encolhimento dos folículos pilosos, resultando em cabelos mais finos e, eventualmente, em calvície.

Deficiências nutricionais

Uma ingestão sub-ótima de vários nutrientes provavelmente terá um impacto negativo na saúde do seu cabelo.

Lúpus eritematoso e alopecia areata

Estes são exemplos de doenças auto-imunes, em que o sistema imunológico de uma pessoa cria anticorpos que, em vez de proteger o corpo de bactérias, vírus e outros germes, atacam erroneamente os próprios tecidos do corpo da pessoa. Isso pode levar a uma série de sintomas e, se os folículos capilares forem atacados, também pode resultar em perda de cabelo. É o que acontece no lúpus, que está associado a uma série de sintomas, incluindo perda de cabelo, em aproximadamente 50% dos pacientes, enquanto a Alopecia areata é uma doença auto-imune em que o ataque imune é dirigido apenas aos folículos pilosos.

Hereditariedade

Envelhecimento

Infecções fúngicas do couro cabeludo

Condições dermatológicas

O que pode causar a perda de cabelo temporária?

Algumas condições podem resultar em uma perda temporária dos cabelos.

Questões hormonais relacionadas à gravidez e amamentação.

Drogas e medicamentos podem resultar em perda de cabelo como um efeito colateral indesejado, que muitas vezes pára quando a medicação é interrompida. Exemplos de categorias de medicamentos que podem causar perda de cabelo incluem anticoagulantes, medicamentos para baixar o colesterol e medicamentos usados ​​para tratar a gota e a pressão alta.

O estresse emocional grave ou físico associado à doença ou a uma cirurgia de grande porte pode resultar na perda súbita de uma grande quantidade de cabelo. Estresse crônico (a longo prazo) também pode causar perda excessiva de cabelo.

Tratamentos capilares, incluindo corantes químicos, alvejantes, agentes de alisamento e encaracolamento e puxões extremos de cabelo.

Perda de peso rápida.

Tratamento natural para calvície

Cuide da calvície com o óleo de coco para manter seus fios mais saudáveis e reduzir a queda. (Foto: YouTube)

Como funciona o óleo de coco para a queda de cabelo?

O óleo de coco pode não funcionar para todos. No entanto, há muitas evidências que sugerem que pode potencialmente impedir a perda de cabelo para certas pessoas.

O ácido láurico encontrado no óleo de coco se liga à proteína no cabelo e protege as raízes e os fios de cabelo da quebra.

O óleo de coco é conhecido por imitar o sebo. O sebo é o óleo natural do próprio corpo que ajuda a impedir que o couro cabeludo seque e também reveste as raízes do cabelo para protegê-las de danos. Um couro cabeludo bem oleado com folículos felizes é a chave para parar a perda de cabelo continuada.

O óleo de coco penetra na haste capilar, protegendo-a contra impurezas ambientais e excesso de calor.

Os antioxidantes naturais e nutrientes (vitamina E, vitamina K e ferro) encontrados no óleo de coco estimulam o crescimento e o crescimento dos pelos.

O óleo de coco contém propriedades antifúngicas e antibacterianas para proteger contra potenciais problemas fúngicos ou bacterianos que limitam o crescimento do cabelo.

Quando você massageia o couro cabeludo com óleo de coco, melhora a circulação do sangue para o couro cabeludo e os folículos pilosos, o que ajuda os folículos pilosos a absorver os valiosos nutrientes do óleo necessário para o crescimento do cabelo.

Como usar corretamento o óleo de coco no couro cabeludo?

Se o seu óleo de coco estiver em estado sólido ou semi-sólido, coloque o frasco em água quente até se transformar em líquido.

Umedeça o cabelo com água morna (não quente).

Acorde os poros do couro cabeludo esfregando-os vigorosamente com as pontas dos dedos.

Coloque um pouco de óleo de coco nas mãos e aplique diretamente nas raízes. Certifique-se de cobrir todo o couro cabeludo.

Massageie o óleo de coco em seu couro cabeludo por pelo menos três minutos. Nada áspero – uma massagem gentil agradável.

Coloque seu cabelo lubrificado em uma touca de banho e deixe-o em ordem. Idealmente, você vai deixar isso durante a noite, mas, pelo menos, mantê-lo por 30 minutos.

Após a duração desejada do tratamento, lave o óleo com um “shampoo” suave.

Repita pelo menos uma vez por semana. Duas vezes é ideal.

Muitas pessoas que lutam contra a calvície relatam que o óleo de coco parece estar contrabalançando a perda de cabelo e promovendo o crescimento do cabelo. Após o uso regular por cerca de 2 a 3 meses, essas pessoas notaram que eles não estão mais perdendo seus cabelos. Linhas de cabelos recuando estão se preenchendo.

Como vocês tratam a perda de cabelos? Quais soluções funcionam para vocês?

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)