A vagem pode parecer um alimento básico em jantares noturnos. No entanto, você pode não estar ciente dos benefícios de saúde que ela tem a oferecer. Eles parecem reduzir o risco de doenças cardíacas e câncer de cólon, ajudam a controlar a diabetes, estimulam o sistema imunológico e contribuem para a eliminação de radicais livres nocivos.

Esses parentes do feijão, conhecidos também como feijões verdes, cheios de nutrientes são uma excelente opção dietética de baixa caloria, excelente para adquirir vitaminas e minerais sem adicionar quilos indesejados.

O que é vagem?

A vagem é membra da família do feijão comum, Phaseolus vulgaris, e é uma parte popular das dietas em todo o mundo. Existem pequenas variações, e elas podem ter diferentes formas, cores (até roxas) e serem conhecidas por nomes diferentes, incluindo feijão francês, feijão fino, feijão de corda ou feijão estridente, dependendo da região do mundo. Existem aproximadamente 150 variedades de vagem em todo o mundo. Apesar da aparência variável dos grãos, seu conteúdo nutricional e benefícios à saúde permanecem semelhantes.

A vagem é um vegetal versátil que, como mencionado, pode ser cultivado em muitos climas diferentes. Isso os tornou um alimento popular e reconhecido globalmente. Embora popularizados em muitos pratos americanos e europeus, eles também são amplamente cultivados na Ásia, na África e no Brasil. Eles aparecem em uma ampla variedade de pratos culturais e oferecem benefícios à saúde de pessoas em todo o mundo.

Tipos de vagem

A vagem se enquadra em duas categorias: trepadeira e de arbusto. As trepadeiras tendem a subir, e exigem que os sistemas de suporte cresçam adequadamente e são um pouco mais lentas em atingir a maturidade. As de arbusto são mais baixos, não precisam de apoio e têm taxas de desenvolvimento mais rápidas, o que significa que alguns agricultores e produtores podem ter mais de uma colheita em uma única estação.

É importante lembrar que o feijão verde é um alimento não maduro ou imaturo; portanto, algumas pessoas preferem mergulhar ou cozinhar a vagem antes de comê-lo. No entanto, não há efeitos prejudiciais comprovados ao comer feijão verde cru.

Embora muitos feijões comuns compartilhem atributos semelhantes, eles são únicos e são escolhidos de acordo com as propriedades individuais que cada uma das vagens oferece. A vagem é a escolha favorita em muitas culturas pela variedade de vitaminas, nutrientes e propriedades benéficas que eles contêm.

Valores nutricionais da vagem

Esses feijões deliciosos e crocantes são baixos em calorias e gorduras e não contêm colesterol. O teor de fibras é alto e esses grãos também fornecem alguns dos requisitos diários de proteína. Eles também atuam como uma fonte fácil para a aquisição de vitaminas como vitamina A, C, K, B6 e ácido fólico. Em termos de minerais, o feijão verde é uma boa fonte de cálcio, silício, ferro, manganês, potássio e cobre.

Benefícios das vagens para a saúde

Além de versátil e delicioso em muitas preparações culinárias, o feijão verde fornece uma riqueza de nutrientes. Vamos analisar a ampla gama de benefícios em detalhes.

Doenças cardíacas

A vagem pode ajudar a reduzir o risco de doenças cardíacas devido aos seus altos níveis de flavonoides. Os flavonoides são antioxidantes polifenólicos comumente encontrados em frutas e legumes. Eles têm altos níveis de flavonoides que contêm certas propriedades anti-inflamatórias. Os participantes do teste com altos níveis de flavonoides apresentaram resultados anti-trombóticos, prevenindo coágulos sanguíneos nas artérias e veias. As doenças cardiovasculares, ataques cardíacos e derrames são comumente causados ​​por atividade trombótica, portanto a incorporação de feijão verde em sua dieta pode ajudar a mitigar algumas dessas condições.

Câncer de cólon

Foi sugerido que o aumento do consumo de produtos (frutas e vegetais) tem sido associado a um risco reduzido de câncer de cólon. O consumo da vagem pode ser benéfica para a prevenção de pólipos pré-cancerígenos que geralmente levam ao câncer de cólon. Novas evidências sugerem que o aumento da ingestão de feijão verde na dieta pode reduzir o risco de recorrência de adenoma canceroso e câncer colorretal. Ainda é necessária mais investigação sobre esse tópico antes que conclusões mais definitivas possam ser feitas. Além disso, a presença de clorofila no feijão verde também pode ser benéfica na prevenção do câncer.

Digestão

O alto teor de fibras do feijão verde também pode afetar positivamente o sistema digestivo, facilitando o processo digestivo e promovendo os movimentos intestinais, o que diminui o estresse nas paredes intestinais. Certos estudos mostraram uma correlação positiva entre o aumento da ingestão de fibras e a redução do câncer de cólon; mais uma vez, ainda estão em andamento estudos aprofundados de pesquisa.

Benefícios da vagem

Prepare a vagem para obter bons nutrientes para sua dieta e ter diversos benefícios para sua saúde. (Foto: MyRecipes.com)

Diabetes

A vagem é um dos vegetais conhecidos por ter uma influência hipoglicêmica definitiva em pacientes com diabetes. A diabetes é uma condição que requer manutenção constante dos níveis de açúcar no sangue em um nível normal para que o corpo possa executar as tarefas necessárias. Os reguladores naturais da diabetes são raros; portanto, a conexão de vagens e plantas semelhantes ao controle ou prevenção precoce do diabetes é uma ótima notícia para muitos gerenciar e prevenir a doença.

Imunidade

A presença de vários antioxidantes potenciadores do sistema imunológico na vagem e é bem conhecida. No entanto, à medida que mais pesquisas sobre seus benefícios são realizadas, mais propriedades antioxidantes vêm à tona. Os antioxidantes são compostos benéficos em nosso corpo que buscam radicais livres perigosos, com o objetivo de eliminá-los do nosso sistema antes que possam causar doenças ou danos aos tecidos.

A vagem é uma boa fonte de carotenoides e flavonoides, pois os carotenoides encontrados na vagem contêm antioxidantes como beta-caroteno e luteína. Os flavonoides contêm antioxidantes básicos como a quercetina e o kaempferol, mas também os mais úteis e benéficos, como a catequina e a epicatequina. A catequina tem sido associada à redução da gravidade dos acidentes vasculares cerebrais.

Olhos

Certos carotenoides específicos encontrados na vagem – como mencionado acima – podem impedir a degeneração macular, que é uma diminuição da visão e da função ocular. A luteína e a zeaxantina concentram-se na mácula do olho e desempenham um papel fundamental na prevenção de qualquer estresse no funcionamento interno do olho. Garantir que esses níveis de carotenoides permaneçam fortes para evitar a deterioração da visão é um dos muitos benefícios de incluir a vagem como parte de sua dieta equilibrada.

Ossos

A vagem é uma fonte de vitamina K. Pesquisas extensivas sobre os efeitos da vitamina K no corpo sugerem que essa vitamina é importante para manter os ossos intactos. O cálcio, encontrado na vagem, também é essencial para prevenir a deterioração óssea e a osteoporose.

O silício é um mineral menos comum de se ouvir, e quantidades significativas são relativamente raras na maioria dos alimentos. No entanto, a vagem é uma grande fonte de silício, que é um elemento-chave na regeneração óssea e na saúde óssea em geral.

Problemas gastrointestinais

A vagem pertence à categoria de alimentos com baixo teor de FODMAP (oligossacarídeos fermentáveis, dissacarídeos, monossacarídeos e polióis). Alguns especialistas recomendam dietas baixas em FODMAP para aqueles com síndrome do intestino irritável (SII) e outros distúrbios digestivos com sintomas como inchaço, cãibras e desconforto intestinal.

Como mencionado, eles são embalados com fibra, que é um composto altamente benéfico em nossos corpos. Ao manter fibras suficientes em nossas dietas, somos capazes de aliviar certos problemas digestivos, como prisão de ventre, hemorroidas, úlceras e doenças do refluxo ácido. Essas condições variam de irritantes leves a potencialmente fatais, e a quantidade de fibra que consumimos é um elemento-chave em sua prevenção. Em uma porção normal de vagem, que é de 110 gramas, você pode ganhar 15% da quantidade diária recomendada de fibra. Eles são um dos melhores vegetais para manter seu estômago funcionando corretamente.

Fertilidade e Gravidez

O consumo de alimentos saudáveis, como vagem e abóboras, pode contribuir para aumentar a fertilidade, uma vez que esses alimentos são uma potência de vários nutrientes. A vagem é uma ótima fonte de ácido fólico, que desempenha um papel fundamental em vários processos internos, mas nenhum é mais importante do que proteger os bebês no útero. Os níveis de ácido fólico no corpo de uma mulher são vitais para o desenvolvimento normal e saudável do feto no útero, especialmente na prevenção de defeitos do tubo neural. A vagem é uma maneira fácil e deliciosa de manter altos os níveis de ácido fólico e garantir um bebê saudável e feliz.

Como fazer a vagem?

A vagem pode ser preparada de diversas maneiras. Em cada uma delas, você escolhe o tempo de preparo para deixá-la do jeito que você gosta.

Cozida: misture a vagem com outros alimentos e um pouco de água, deixando cozinhar.

Assada: a vagem pode ir direto para um forno. Fica deliciosa quando bem temperada.

Grelhada/Frita: a vagem pode ser grelhada ou frita com facilidade para se tornar um ótimo petisco, que pode ser saboreado com molhos e temperos diversos.

Como vocês preparam a vagem? Quais temperos e molhos usam?

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)